quarta-feira, 6 de abril de 2016

Coxinhas que não engordam? Sim, é possível e você vai adorar!

Eu amo este petisco, por mim o faria todos os dias! Só não o faço porque dá um pouquinho mais de trabalho que uma refeição comum e também porque gosto mesmo de variar. As crianças adoram, é super saudável, além de que é muiiiito bom sem aquele adicional peso na consciência.

Desde criança que adoro salgadinhos, no entanto, os tradicionais são demasiado ricos hidratos de carbono simples, que rapidamente se converterão em açúcar, e em gordura que, muitas vezes, é de má qualidade e altamente inflamatória. Aqui aplica-se aquela expressão do juntar a fome com a vontade de comer, pois certamente o sabor é fantástico e com estes benefícios adicionais, é impossível não ficar fã. Através de uma excelente combinação de alimentos como a batata doce, a linhaça e vários legumes frescos, este petisco contribuí para uma leve digestão bem como para que a saciedade permaneça por mais tempo. Experimentem-no! Não se irão arrepender!



Coxinhas de batata doce com legumes e atum

Ingredientes para a massa:
- 900 g de batata doce cozida (escorrer logo a água mal termine a cozedura ou coza-as a vapor)
- 250 g de inhame cozido
- 1 fio de azeite
- 2 colheres de sopa de linhaça
- 6 colheres de sopa de farinha de mandioca
- Orégãos q. b.
- Sal q. b.
- Pimenta preta q. b.

Modo de fazer a massa:
- Colocar tudo num recipiente (as batatas doces e o inhame ainda quentes) e passar a varinha mágica até ficar bem cremoso (se ficar com alguns grumos não faz mal, é a gosto do freguês mesmo).
- Deixar arrefecer bem e enquanto isso preparar o recheio.



Ingredientes para o molho (aqui podem juntar o que quiserem, só legumes ou colocar peixe ou carne, eu tinha saudades de fazer de peixe mas vegetariano também é excelente):
- 4 cenouras
- 1 cebola
- 1 dente de alho
- 1 bróculo pequeno
- 2 colheres de sopa de molho de soja de qualidade
- Azeite q. b.
- Sal q. b.
- Pimentão doce moído q. b.
- 2 colheres de sopa de millet cozido (era o que eu tinha em casa, mas pode ser inhame ou arroz integral, por exemplo)
- 2 latas de atum em água

Modo de fazer o molho:
- Picar bem os legumes e saltear num pouco de azeite. Temperar com o molho de soja, o sal e o pimentão doce moído. Adicionar o atum e o millet e mexer.
- Tapar e deixar refogar em lume brando até cozinhar bem. Ficará um refogado cremoso, pois não adicionámos água. Não é necessário juntar quaisquer farinhas para engrossar o molho, só cozinhá-lo bem e deixá-lo bem gostoso pois como a massa é adocicada, combina muito bem com um recheio assim.


Modo de fazer as coxinhas:
- Molhar as mãos antes de pegar na massa para esta não colar nas mesmas.
- Pegar numa pequena bola de massa e espalmá-la na mão. Eu costumo fazer já uma pequena depressão no meio para colocar o recheio e dar mais jeito de fechar.
- Colocar uma pequena porção de recheio e fechar com cuidado formando a coxinha. É ainda mais simples do que com a massa tradicional.
- No final, passar as coxinhas em farinha de mandioca e colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal. Levar ao forno até formar uma leve crosta e está pronto a comer. Delicioso!!

comentário(s) pelo facebook:

5 comentários:

  1. Tem alguma sugestão para substituir o inhame? Não consigo encontrar.
    Obrigada pelas partilhas :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alexandra :) o inhame ajuda a "colar" melhor as coxinhas. Pode sustituir por mais batata doce daquela mais farinhenta que não fica tão húmida e cozê-la a vapor. Se não tiver nenhuma restrição pode adicionar um ovo. Muito obrigada por comentar. São os comentários, gostos e partilhas que fazer o blog crescer e dão motivação para continuar a partilha. Beijinho, Débora.

      Eliminar
    2. Obrigada :D
      Ainda vou tentar encontrar no fim de semana, caso não encontre, experimento a segunda opção.
      Beijinhos e continuação de bom trabalho <3

      Eliminar
  2. Olá Débora :D
    Encontrei finalmente o inhame no fim de semana e hoje meti mãos à obra.
    São realmente muitos boas é pena o trabalho que dão mas valeu a pena.
    Senti muita dificuldade para fazer as bolinhas. A minha massa estava muito mole...
    Utilizei batata doce cor de laranja e depois de triturada parecia abóbora. Em vez da linhaça, utilizei sésamo e acrescentei cogumelos frescos ao recheio.
    Adorámos :D
    Obrigada e continuação de bons cozinhados <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alexandra :) que bom que fez e ainda bem que gostaram :D A linhaça ajuda também a colar, ela substitui um bocado o ovo. Ficar mole também depende um pouco da batata que é usada e se ela foi escorrida logo depois de cozida. Se voltar a fazer e ficar na mesma, pode colocar mais umas colheres de farinha de mandioca integral. Muito obrigada por ter vindo aqui partilhar a sua experiência. Beijinho grande.

      Eliminar

Deixe a sua opinião! Obrigada :)